quinta-feira, 4 de outubro de 2007

Promoção turística rentável ?

António Camacho diz in http://www.oinsurgente.org/


“O Governo Regional investiu, este ano, no programa Festa de Natal e Fim-de-Ano 6,6 milhões de euros. Considerando que a taxa de IVA na Região Autónoma da Madeira é de 15%, o nível de consumo que permite ao Governo Regional recuperar o “investimento” atinge mais de 50 milhões de euros.”


Não percebi! você por acaso não é contabilista do Guterres???
“Quem pagou o programa de festas? Turistas e… os madeirenses!!!”
Chama-se a isto Investimento num Cartaz Turístico e na marca Madeira (que até foi para o Guiness, logo MAIOR visibilidade, para uma região TURÍSTICA), +250.000 Madeirenses, +30.000 turistas estrangeiros, +1.000 continentais que ficaram em casa de amigos, estiveram presentes na noite de fim-de-ano…Sabe há quantos anos existe este Cartaz de Fim-de-Ano? Sabe o que é criar um Evento Âncora a nível Turístico? Quantos madeirenses é que você conhece que são contra este Investimento? Gostaria de conhecer as razões…
Bem, as Festas de Lisboa, Porto & Gaia, Sesimbra, Algarve foram pagas por quem? será que os Alentejanos, Transmontanos, Minhotos e Beirões gostam de pagar as festas litorais?
Um Feliz Ano Novo e um pouco mais de conhecimento sobre assuntos Made In Madeira não era má ideia, porque a vontade é tanta, na proporção do desconhecimento, que torna-se ridículo o papel que blogs e media continuam a fazer, daquela que tem sido a única parte do país que se aproximou em termos de desenvolvimento da Europa dos 15, desde o 25 de Abril…mas isso não interessa nada…

Um comentário:

Miguel Silva disse...

Olá, Boa Noite.

Não vim dizer nada de especial. Apenas contribuir para o blogue do Sr. AMSF ao fazer aqui um comentário.
Já fiz a minha boa acção, agora... vou-me!